Ascensão dos Clones: 2 formas de clonagem que já estão acontecendo

ANÚNCIO

Animais – desde animais de estimação e gado até cães de trabalho e espécies extintas – estão sendo clonados para uma variedade de propósitos. Mas copiar animais a partir do material genético pode criar mais problemas do que esperado.

Ascensão dos Clones: 2 formas de clonagem que já estão acontecendo
Foto: (reprodução/internet)

Faz quase 25 anos que o clone mais famoso da Terra, Dolly, A Ovelha, nasceu em uma fazenda na Escócia. Foi um pequeno passo para o cordeiro, um salto gigantesco para a espécie ovina, e na época, ninguém sabia realmente como a clonagem viria a ser utilizada.

ANÚNCIO

Agora, a clonagem está finalmente encontrando seu nicho. Como um número crescente de espécies é clonado, incluindo camelos, gatos e gado, as empresas estão surgindo para oferecer serviços de clonagem comercial. 

Em todo o mundo, centenas de animais domésticos e agrícolas são clonados todos os dias. Como as espécies selvagens também começam a ser clonadas, pensa-se que a técnica poderia até mesmo ajudar na conservação. Mas as questões éticas permanecem divisivas quanto o dia em que Dolly nasceu. Então, como a biologia celular está fazendo a diferença e o que devemos fazer com estes doppelgängers genéticos?

Animais em perigo de extinção

Em agosto de 2020, um saudável clone do ameaçado cavalo de Przewalski nasceu no Texas, nos Estados Unidos. Os cavalos de Przewalski, que são nativos das estepes da Ásia Central, são as últimas espécies de cavalos verdadeiramente “selvagens”. Cerca de 2.000 ainda existem, mas lhes falta a diversidade genética essencial, pois todos eles são descendentes de apenas 12 indivíduos selvagens.

ANÚNCIO
Ascensão dos Clones: 2 formas de clonagem que já estão acontecendo
Foto: (reprodução/Scott Stine)

O pequeno potro, chamado Kurt, foi clonado usando células congeladas de 40 anos de idade de um garanhão cujos genes não estão bem representados na população atual. Como Kurt é geneticamente idêntico ao garanhão, a esperança é que quando ele crescer e se reproduzir, Kurt restaure a diversidade genética perdida através de seus descendentes.

Leia mais: Centenas de espécies de tubarões estão agora ameaçadas de extinção

“Espera-se que o potro seja um dos indivíduos geneticamente mais importantes de sua espécie”, diz Bob Wiese, diretor de ciências da vida do San Diego Zoo Global, que estava envolvido no projeto. Outras espécies selvagens também foram clonadas com sucesso, incluindo o coiote, o gato selvagem africano e uma rara vaca do sudeste asiático chamada Banteng

E animais extintos também (mas não dinossauros)

Não haverá um Jurassic Park na vida real, desculpe. Os dinossauros estão fora dos limites porque seu DNA está muito distante. 

Mas mais recentemente os animais extintos, como o mamute lanoso, poderiam teoricamente estar nas cartas. Tudo o que é necessário é uma fonte de DNA (por exemplo, as células de uma carcaça congelada ou um espécime de museu) e uma espécie viva intimamente relacionada para ajudar a nutrir o embrião clonado.

Leia também: Pessoas continuam cautelosas sobre pesquisas de biotecnologia

Para o mamute lanoso, isto significaria transferir um clone para o útero de um elefante asiático substituto. O problema é que os elefantes asiáticos estão em perigo de extinção. É um grande ponto de colisão para os críticos, que também questionam o valor da ‘de-extinção’ de espécies cujos habitats naturais desapareceram há muito tempo.

Os perigos e benefícios da clonagem de espécies

Os defensores, no entanto, sugerem que certos animais, apelidados de espécies-chave, poderiam engendrar seus próprios ecossistemas. Se por exemplo, o mamute lanoso fosse solto no norte da Sibéria, por exemplo, suas ações poderiam beneficiar muitas outras espécies.

Mas muitos conservacionistas se opõem à clonagem porque a consideram uma distração não comprovada e cara dos métodos de conservação experimentados e testados, tais como áreas protegidas e iniciativas contra a caça furtiva.

Traduzido e editado por equipe Isto é Interessante 

Fontes: Science Focus, BBC Science Focus, Point Loma University

References

Centenas de espécies de tubarões estão agora ameaçadas de extinçãoCentenas de espécies de tubarões estão agora ameaçadas de extinção

ANÚNCIO